segunda-feira, 13 de setembro de 2010

Olhos de Esmeralda

Nuvens carregadas
me observam lá do alto
Sob a janela mogno eu fito o horizonte
O verde misturado ao azul
quando a linha do infinito se funde
E leva meus pensamentos ao seus olhos
Olhos, profundos, olhos preciosos
minha pedra preciosa.

E as horas passam enquanto eu avisto cada detalhe do crepúsculo
O alaranjado se derrama sobre o verde esmeralda
e ja invade o azul turquesa
Como chamas incandescêntes
Há fogo em seus olhos.
A brisa desenha meus traços, toca meus cabelos
Me abraça confortavelmente, me envolve por inteira.

Será seu abraço que ela me traz? Será seu amor que ela me entrega?
Mesmo através do tempo ... e da distância?

Enfim o esperado, junto a noite a chuva chega
seus olhos ja não vejo mais, o horizonte esta negro
Me perco totalmente entre as lágrimas dos anjos
Na chuva salgada que ameniza a dor de não mais te ver

A escuridão domina totalmente, só o leve brilho das gotas permanecem
o tilintar delas me enlouquece, em meio a pensamentos eu caio
preciso de seus olhos me guiando, preciso de seu toque me aquecendo

Grito, suspiro, suor, fôlego ...
Estou na cama, mais um sonho, apenas mais um sonho,
onde me perco ao perder você.

Helô
(Poema meio sem sentido, mas dedicado ao meu "Muso" inspirador... ^^)

7 comentários:

Be@trix disse...

Eu não achei sem sentido.Eu gostei!Agora ei não sei se isso é bom ou ruim..kkk

Heloka disse...

E pq seria Ruin ?? Oo

Be@trix disse...

Até que ponto se entregar ao amor é bom?
Sei lá,nesse ponto sou muito pessimista.

Heloka disse...

Humm... entendo... bom sei lá.. sempre me entreguei completamente a cada amor... e a cada um mais forte que o outro... acho que para se entregar não existe limites, ao menos quando se trata de amor... =P

Lilith disse...

Eu diria que esses olhos verdes te vigiam
Te desejam e te paquera
Te guarda e te espera

Lindo poema, amei demais nina

Eu tornarei a escrever esta semana ainda
Tenho ideias mil na cabeça, só não consigo conecta-las aos meus dedinhos

adolescentes@help.com disse...

Lindo poema!
No meu próximo livro, quero um poema seu para a abertura.
Beijos.

Heloka disse...

Obrigada...

Com certeza farei com prazer... ^^

Beijos